Categoria: Vídeo

Uma experiência fascinante: “Mãe Dioca” – capítulo IV

A agricultora Maria Januária Seles teve uma vida difícil, embora seu pai fosse um dos poucos a ter uma roça de mandioca no povoado de Palmeiras do Cedro, em Boninal, cidade da Chapada Diamantina. Entrevistada pelo sobrinho Vitor Manoel e seus colegas de turma, dona Maria conta que só comia arroz na Semana Santa, quando os pais se sacrificavam para compra um litro do cereal, um dos alimentos mais consumidos no mundo.

…Ler mais.

Fenômeno atmosférico

A formação de uma cumulonimbus, grande nuvem em forma de bigorna responsáveis por grandes tempestades, com a ocorrência de raios e trovões causou alvoroço em várias cidades do sertão baiano, no final da tarde desta quinta-feira, dia 19 de março de 2020. Os cerca de 38 mil habitantes dos municípios de Irará, na área de expansão metropolitana de Feira de Santana, e Tanquinho, na região metropolitana do mesmo polo, ficara divididos entre a beleza do fenômeno e o medo de que ocorresse algum tipo de destruição.

…Ler mais.

“Mulequim diantado”

Em 2016, a artesã Idelcina Carneiro Oliveira ligou para o site Meus Sertões, após ler uma reportagem, e falou de seu trabalho, artesanato de altíssima qualidade, desenvolvido em Riachão do Jacuípe. Combinamos uma reportagem, que foi feita em 2016. Na verdade, foram duas matérias, uma com ela, outra com o marido Geraldo, um agricultor poeta.De lá para cá eles se transformaram em grandes amigos da equipe do site.

…Ler mais.

Forró no escuro

Antônio Carneiro de Oliveira, o Antônio de Roque, 76 anos, é ex-caminhoneiro, ex-vereador e tem o dom para consertar e criar mecanismos diversos. Com tantas histórias para contar, ele aparecerá mais vezes em Meus Sertões. No entanto, escolhemos um episódio marcante na história de Ichu (BA) para a estreia deste fabuloso personagem.

…Ler mais.