O cordígero

Rafael de Souza Santos, 21 anos, se tornou um afamado fazedor de cordões de São Francisco, em São Félix do Coribe, no sertão baiano. Nos últimos anos, é muito difícil encontrar cordígeros, por isso, uma antiga tradição está minguando.