Superstições

Vassoura. Não há casa que não a tenha e isto desde as rudimentares ocas indígenas, apenas para situar o seu encontro secular no Brasil, bem antes do contato com o velho mundo.

Encontramos em nossa pesquisa número grande de superstições e crendices envolvendo utilitário doméstico de tanta serventia e tão pouco prestigio na atualidade. E pensar que já foi função de destaque no Império Romano o simples ato de varrer templos!…

Aprendemos com uma amiga dos confins da Bahia que não se leva vassoura em mudança. Deixa-se, assim como o saleiro, no antigo lar onde serviu promovendo asseio da casa e absorvendo energias e sentimentos.

Estas e muitas outras crendices e simpatias povoam o imaginário do povo nordestino e brasileiro. Veja o nosso vídeo.

Compartilhe esta publicação:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sites parceiros
Destaques