Eu vou voltar

Eu vou voltar

SOTAQUE DE UM POVO NAS BARRANCAS DO VELHO CHICO

Vou voltar pra Xique-Xique,
Meu sertão,
São Paulo num fico não,Ai que saudade que dá,
Quando toca um xote,
Vou voltar,
Pra atravessar rio a nado,
Passar pro outro lado,
Vou voltar

Pra navegar no Velho Chico,
Eu vou voltar,
Por ser de lá, beiradeiro da beirada,
Vou voltar,
Deitar em rede de balanço,
Se balançar,
Nem vou me despedir, para o sertão arribá,
Vou voltar

Pra ouvir o chililique da chinela,
Vou voltar,
Pra ver a moça donzela debruçada na janela,
Vou voltar,
Vou morar no roçado,
Lá tem casa caiada, casa amarelo,
Vou voltar,
Entregar meu coração a ela pra mode se casar,
Pra Xique-Xique eu vou voltar,

Ver vaqueiro tocar boiada,
Aboiar na vaquejada,
Vou botar pé na estrada,
Vou voltar,
Pra ver passarim solitário cantar,
Ver o imbuzeiro carregado,
Eu vou,
Andar a esmo e ser eu mesmo,
Eu vou.

Arilson B. da Costa Contributor
follow me

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *