Autor: Helenita Monte de Hollanda

A vingança

Cristino Gomes da Silva Cleto, o Corisco, havia deixado o cangaço para servir a um coronel na região da atual cidade de Senhor do Bonfim, na Bahia. Além de prestar serviços ao patrão, matava animais para vender as carnes. Foi aí que passou a ser perseguido pelo delegado Herculano Borges, que cobrava impostos indevidos.

Corisco se rebelou contra a atitude do policial e foi preso, prometendo vingança. A perseguição de Homero atingiu pessoas próximas ao “Diabo Louro”, que voltou a ser cangaceiro e cumpriu a promessa contra o delegado.

Acompanhe a entrevista feita por Helenita Monte de Hollanda, médica e pesquisadora de cultura popular, e Biaggio Talento, jornalista, com o pesquisador potiguar Múcio Procópio.

Fogo domado

A descoberta do fogo lá no surgimento das primeiras civilizações certamente deveu -se a incêndios provocados por raios que, de origens desconhecidas, causavam espanto e medo, mas não demorou a assumir caráter sagrado e a ser colocado a serviço do homem a tal ponto que maldita era a casa que não tivesse sempre um fogo aceso, o que era vergonha para o seu proprietário.

…Ler mais.

Serpente do altar

Há muitos e muitos anos, quando os primeiros desbravadores chegaram ao Médio São Francisco em busca das riquezas da região onde hoje se localiza o município de Xique-Xique, o Senhor Litecilio, rico proprietário de terras, ocupou uma ilha do rio de onde podia observar todo o ouro da Serra do Suruá, dando o nome de Ilha do Miradouro.

…Ler mais.